Porto de Salvador exporta soja em contêiner para o Japão – A Tribuna On-line

O Porto de Salvador realizou a primeira exportação de soja em contêiner do Nordeste. O embarque aconteceu nesta quinta-feira, através do porta-contêineres CMA CGM ONYX, tendo como destino final o Japão.

Esta operação faz parte do novo serviço lançado, em maio deste ano, pelo Tecon Salvador, que liga a Bahia diretamente à Ásia sem escalas.

A commodity produzida pela Agrícola Xingu, subsidiária da Multigrain, geralmente é movimentada em navios graneleiros. Agora, com a conteinerização o principal ponto positivo é a possibilidade da segregação e rastreabilidade dos grãos não transgênicos, assegurando a entrega de soja 99,5% livre de qualquer contaminação transgênica.

O transporte por contêiner permite ainda que a exportação ocorra independentemente das condições climáticas e mesmo em períodos de entressafra.

A operação traz várias vantagens para os produtores e para os compradores, como a facilidade na logística de distribuição, acesso a mercados alternativos e embarques semanais. Esta modalidade de exportação é ideal para clientes que tem a necessidade de comprar as commodities em menores quantidades, optando por maior frequência nos embarques.

Compartilhar no facebook
COMPARTILHAR
Compartilhar no google
COMPARTILHAR
Compartilhar no twitter
COMPARTILHAR
Compartilhar no linkedin
COMPARTILHAR