Navios preparam-se para abastecer grupos de pesquisa na Antártida – Terra

“Os dois navios do Programa Antártico Brasileiro (Proantar), Navio Polar Almirante Maximiliano e Navio de Apoio Oceanográfico Ary Rongel, estão nesta última terça-feira no porto de Rio Grande para a última etapa de preparação para a 30ª Operação Antártica. Eles ficam até o hoje, dia 13 de outubro no porto para o carregamento de roupas para mais de 140 pessoas, entre tripulantes e pesquisadores, assim como praticamente todo o material necessário para o trabalho a ser realizado no Continente Antártico: água, alimentos, barracas, equipamentos de alpinismo e sobrevivência, medicamentos, gás e até veículos como motos de neve e quadriciclos.Segundo o diretor da Estação de Apoio Antártico da Universidade Federal do Rio Grande (Esantar/Furg), Gonzalo Velasco Canziani, o material já sai organizado e dividido em caixas de marfinite ou madeira que serão encaminhadas para a Estação Antártica Comandante Ferraz e os diversos acampamentos formados por grupos de pesquisa, no próprio Continente Antártico ou em ilhas próximas, onde são realizados estudos de clima, flora, fauna, oceanografia, entre outros.
Rotina
O material é recebido, conferido, re-acondicionado, armazenado e novamente distribuído pela Esantar/Furg, ano após ano, em um trabalho rotativo que não cessa. Embora as Operações Antárticas se realizem durante os meses mais quentes do hemisfério Sul (outubro a abril), vale lembrar que em todos os meses ocorrem voos de apoio, também organizados pela Secretaria Interministerial para os Recursos do Mar (Secirm) e executados pela Força Aérea Brasileira (FAB).

Compartilhar no facebook
COMPARTILHAR
Compartilhar no google
COMPARTILHAR
Compartilhar no twitter
COMPARTILHAR
Compartilhar no linkedin
COMPARTILHAR