Primeiro barco solar do mundo faz parada de 15 dias em Cingapura – G1

Catamarã ‘PlanetSolar’ dá volta ao mundo movido apenas com a luz do sol.Embarcação saiu de Mônaco em setembro.
O primeiro barco movido a energia solar, o “Turanor PlanetSolar”, chegou ontem, quarta-feira (12) a Cingapura, na Ásia.
O catamarã de 31 metros de comprimento e 15 metros de largura fez uma parada estratégica no país e depois retomará sua viagem ao redor do mundo movido apenas com luz do sol. Para isso, na embarcação, que custou US$ 26 milhões, há 500 metros quadrados de paineis solares.
Durante as duas semanas de “pit-stop”, a população poderá conhecer o projeto de Raphal Domjan, capitão suíço e um dos idealizadores do projeto.
O catamarã iniciou em setembro do ano passado a viagem ao redor do planeta saindo de Mônaco. O barco solar deve percorrer 40 mil quilômetros, durante 140 dias, atravessando o Oceano Atlântico, o Canal de Panamá, o Oceano Pacífico e o Oceano Índico, até passar pelo Canal de Suez para chegar ao Mar Mediterrâneo.
Projetada por um neozelandês e construída na Alemanha, o “Turanor PlanetSolar” tem bandeira suíça e uma tripulação de apenas seis pessoas. O barco não só é o maior movido a energia solar no mundo, como tem também a maior bateria carregável, que é segredo industrial.
Mesmo se o sol desaparecesse, ele ainda andaria por três dias. A velocidade máxima do barco é de 15 km/h, mas a velocidade média é aproximadamente a metade disso, como explica o capitão. Assim, foram necessários 26 dias para cruzar o Oceano Atlântico.

Compartilhar no facebook
COMPARTILHAR
Compartilhar no google
COMPARTILHAR
Compartilhar no twitter
COMPARTILHAR
Compartilhar no linkedin
COMPARTILHAR