Nevoeiro se dissipa e travessias litorâneas voltam a funcionar com filas – A Tribuna On-line

Após mais de 7 horas suspensas, as travessias litorâneas entre Santos e Guarujá voltaram a funcionar normalmente na manhã desta terça-feira. O forte e intenso nevoeiro que chegou à região durante a madrugada prejudicou os serviços de passageiros e veículos, ocasionando transtorno na ida ao trabalho.

A chegada de uma brisa marítima, somada ao aumento da umidade relativa do ar no início da noite de segunda-feira, resultou no intenso nevoeiro que cobriu as cidades da Baixada Santista. As condições climáticas adversas começaram a piorar por volta das 2 horas e melhorou ao longo da manhã.

Muitas pessoas que seguiam para o trabalho tiveram que ter cautela. Ruas e Avenidas de Santos, Guarujá e São Vicente ficaram com a visibilidade prejudicada, o que gerou morosidade no tráfego em alguns trechos. Na Perimetral da Margem Direita, a pista escorregadia resultou na queda de um motociclista e o garupa. Ambos ficaram feridos, mas passam bem.

As travessias litorâneas tiveram que ser suspensas nas primeiras horas por determinação de segurança da Capitania dos Portos. Os trechos gerenciados pela Dersa permaneceram inoperantes por aproximadamente 7h30, em razão da baixa visibilidade. Enquanto isso, há registro de filas nas margens das duas Cidades.

Pedestres, porém, conseguiram atravessar o Canal do Porto por meio das catraias do Mercado Municipal, que, segundo operadores, não precisou suspender o serviço e operam normalmente e com segurança durante esta manhã. Mesmo assim, há acúmulo de usuários e demora no embarque e desembarque de passageiros.

Nevoeiro

Segundo a meteorologista Aline Tochio, do Instituto Climatempo, a forte estabilidade do tempo, sem a interferência de ventos, dificulta a dissipação do nevoeiro. As condições fazem parte de um sistema que percorre o litoral de São Paulo e chega ao norte do Estado de Santa Catarina. As temperaturas, porém, devem atingir os 30º ainda nesta terça-feira.

Compartilhar no facebook
COMPARTILHAR
Compartilhar no google
COMPARTILHAR
Compartilhar no twitter
COMPARTILHAR
Compartilhar no linkedin
COMPARTILHAR