Itajaí tem alta de 11% no acumulado do ano – Guia Marítimo

Com o fechamento de maio, o Complexo Portuário do Itajaí (SC) alcançou movimentação de 395.420 Teus (unidade de medida equivalente a um contêiner de 20 pés), o que representa um crescimento de 11% sobre o mesmo período no ano passado. O mês de maio, no entanto, praticamente não registrou crescimento, e fechou em 91.500 Teus.

De acordo com o diretor Comercial do porto, Robert Grantham, os números registrados neste ano demonstram que a movimentação de contêineres tem tido evolução cambiante mês a mês em Itajaí: as altas – em comparação a igual período no ano passado – foram de 33% em janeiro e de 9% em fevereiro. Em março, o complexo registrou recuo de 3% e em abril voltou a crescer, dessa vez em 27%. “Em maio a movimentação se igualou ao igual período do ano anterior”, afirmou Grantham.

No mês de maio, exportações tiveram desempenho um pouco melhor, demonstrando crescimento de 5,7%, enquanto as importações cresceram 4%. No acumulado, a situação de inverteu: enquanto o incremento nas exportações foi de 12%, nas importações foi de 13,5%. A elevação dos embarques foi puxada por blocos de cilindros e cabeçotes para motores, carne suína e motores elétricos. Já a alta nas importações é creditada aos programadas de incentivo fiscais, que levaram empresas de outros estados a importar pelos portos catarinenses os fios de cobre refinado, polietileno e pneus para ônibus, caminhões e automóveis.

Em uma análise distinta do acumulado do ano dos terminais, o APM Terminal Itajaí registrou alta de 46% na movimentação, chegando a 182.670 Teus. A Portonave, por sua vez teve resultados inferiores: retração de 8% na movimentação, com 211.867 Teus operados.

Compartilhar no facebook
COMPARTILHAR
Compartilhar no google
COMPARTILHAR
Compartilhar no twitter
COMPARTILHAR
Compartilhar no linkedin
COMPARTILHAR