Frente parlamentar para maior uso das hidrovias – Jornal do Commercio

Uma Frente Parlamentar em defesa da melhor utilização das hidrovias gaúchas será proposta pelo deputado estadual Carlos Gomes (PRB). Ele conversou sobre o assunto com o prefeito de Rio Pardo, Joni Lisboa da Rocha, e com o presidente da Celulose Riograndense, Walter Lídio Nunes, sobre o assunto. Quer a exploração do porto de Rio Pardo, no rio Jacuí, e a utilização do rio Taquari, transportando carga em direção à Lagoa dos Patos e a Rio Grande. “O trecho Rio Pardo e Cachoeira do Sul só é utilizado pelas empresas areeiras. Com outras linhas, o desenvolvimento das localidades próximas será iminente”, defende Joni da Rocha. No caso do Taquaria, há um porto em Estrela praticamente parado. Além da Frente Parlamentar, o deputado irá propor audiência pública em favor do transporte hidroviário, meio de transporte comprovadamente mais econômico que outros modais. A Celulose Riograndense, que já usa o Guaíba, prometeu apoio à ideia.

Hidrovias II
O secretário de Infraestrutura e Logística do RS, Beto Albuquerque, solicitou R$ 35 milhões à Secretaria de Gestão de Programas de Transportes, em Brasília, para balizamento da navegação noturna e compra de uma draga para fazer serviço permanente de manutenção. Beto garantiu que há recursos na rubrica para revitalização de hidrovias. Wilen Manteli, presidente da Associação Brasileira de Terminais Portuários, também defende o maior uso da hidrovia, que foi muito importante no passado, e propõe a instalação de indústrias às margens dos rios para gerar carga.

Compartilhar no facebook
COMPARTILHAR
Compartilhar no google
COMPARTILHAR
Compartilhar no twitter
COMPARTILHAR
Compartilhar no linkedin
COMPARTILHAR