Hamburg Süd batiza porta-contêiner Santa Rita em Sepetiba – A Tribuna On-line

A Hamburg Süd batizou, na última quarta-feira, em Sepetiba, no Rio de Janeiro, o porta-contêineres Santa Rita. A madrinha do navio é Hayfa Konrad, esposa de Joachim A Konrad, vice-presidente do Conselho Executivo da Hamburg Süd.O Santa Rita é o terceiro de uma série de 10 navios idênticos com capacidade para 7,1 mil TEUs (medida equivalente a uym contêiner de 20 pés) e equipado com 1,6 mil tomadas reefer. Isso os coloca entre os maiores navios já construídos para a Hamburg Süd. A embarcação é a segunda da empresa utilizada para treinamento, ao lado do Monte Tamaro. A bordo destes navios, a empresa treina as futuras gerações de oficiais, engenheiros e marinheiros para a frota que está em constante crescimento. A implantação de dois navios de treinamento representa um marco nos 140 anos de história da Hamburg Süd.
Desde a entrega no Daewoo Shipbuilding & Marine Engineering Co. Ltd. (DSME), na Coreia, em maio, o Santa Rita foi empregado no serviço da Hamburg Süd entre Ásia e África do Sul/Costa Leste da América do Sul, denominado New Good Hope Express.
Dados técnicos do Santa Rita:
Capacidade: 93,430 tdw
Capacidade dos contêineres: 7,100 TEUs
Plugs para contêineres refrigerados: 1,600
Comprimento total: 299.9 m
Comprimento entre perpendiculares: 286.8 m
Largura: 42.8 m
Calado máximo: 13.5 m
Velocidade: 22.2 kn
Potência do motor principal: 41,180 kW

Compartilhar no facebook
COMPARTILHAR
Compartilhar no google
COMPARTILHAR
Compartilhar no twitter
COMPARTILHAR
Compartilhar no linkedin
COMPARTILHAR