Agendamento de chegada reduz fila de caminhões em portos – A Tribuna On-line

O Porto de Rio Grande, no Sul do estado gaúcho, decidiu inovar e tomou uma medida que facilita o trabalho nas instalações portuárias. Durante a safra de 2011, principalmente no período de abril a julho, os responsáveis por caminhões carregados de grãos agendaram a chegada aos terminais para diminuir as filas na BR-392 e reduzir o fluxo de veículos nas rodovias de acesso ao município.

Neste ano, até o momento, 70% das 6,6 milhões de toneladas de cargas transportadas por cooperativas e cerealistas chegaram ao porto com horário marcado. “Nós queremos facilitar este processo, proporcionar uma safra mais segura, rápida e objetiva aos produtores, caminhoneiros e à comunidade”, explicou à Agência CNT de Notícias o superintendente do porto, Dirceu Lopes.

Para os motoristas que não conheciam a mudança, outra solução foi adotada. O porto construiu amplos estacionamentos, fora da rodovia, para a parada dos caminhões e futuro agendamento. Durante o pico da safra, até 10 mil caminhões circulam pela região todos os dias. “Problemas como engarrafamentos e roubos de cargas precisavam ser resolvidos e isso foi possível com esse trabalho”, destacou Lopes.

Segundo ele, diante da experiência positiva deste ano, a intenção para 2012 é exigir o agendamento para todas as cargas da safra escoadas a partir do porto, inclusive as que são enviadas pelos produtores autônomos. “Queremos diagnosticar como são feitos os processos, identificar os fornecedores, estabelecer regras para o agendamento e trabalhar com logística”, afirmou.

Integração

A decisão foi tomada em conjunto por representantes de todos os setores interessados – órgãos de segurança, governo e sindicatos, por exemplo. “A união mostrou que é possível buscar saídas que favoreçam o transporte e permitam mais agilidade ao processo de logística portuária”, avaliou Lopes. A ideia, adianta, é ampliar o trabalho para outras cargas, além dos grãos escoados pela safra. 

Compartilhar no facebook
COMPARTILHAR
Compartilhar no google
COMPARTILHAR
Compartilhar no twitter
COMPARTILHAR
Compartilhar no linkedin
COMPARTILHAR